«

»

Semana de Educação Ambiental – IBS: 04 a 08/06 de 2018, participe!

Educação ambiental, um elemento de transformação

Como utilizar a Educação Ambiental para a conscientização, respeitando valores e diferenças entre as pessoas.

32805067_1676963562411609_3660865685992505344_n

Como educadores, devemos contribuir para formação de uma geração consciente em relação ao seu papel como cidadão voltado para uma valoração ética, social, econômica e ambiental, além de pensar numa escola que promova esse aprendizado, a fim de se ensinar a importância de atitudes de preservação, para que as gerações futuras não sofram com a destruição ambiental.

Assim por perceber a necessidade de um trabalho que aborde discussões de preservação ao meio ambiente, a Semana de Educação Ambiental – IBS buscará desenvolver nos alunos, professores e comunidade uma cultura de sustentabilidade. 33020552_1676961739078458_8838969573349785600_nObjetivo Geral: 

Proporcionar o conhecimento e a conscientização dos professores, alunos e famílias  acerca dos temas que envolvam meio ambiente e cidadania, desenvolvendo a construção de atitudes para a preservação e implantação de práticas sustentáveis na escola.

Com a gestão escolar, a coordenação pedagógica, os professores e os funcionários: Identificar e promover atitudes sustentáveis no coletivo e, individualmente, agir coerentemente com elas.

Com os alunos: Desenvolver atitudes diárias de respeito ao ambiente e à sustentabilidade, apoiadas nos conteúdos trabalhados em sala de aula.

Com as famílias e com a comunidade do entorno escolar: Ampliar o interesse por projetos ambientais e se integrar em sua organização e implantação.

32802183_1675632312544734_9182330673698963456_n

Ações Previstas:

Com a Equipe Administrativa: Levantamento da demanda dos recursos naturais que entram na escola (água, energia, materiais e alimentos), dos resíduos e da situação estrutural do edifício (instalações elétricas e hidráulicas).

Com as famílias e Comunidade: Envolvimento na questão ambiental, com construção de novas práticas e valores e a realização de interferências na paisagem.

Conteúdo curricular: Desenvolvimento de habilidades que contemplem a preocupação ambiental nos âmbitos de energia, água, resíduos e biodiversidade.

32603699_1676962992411666_6406797101920944128_n

Algumas atividades: 

Energia - Incentivar a todos, com conversas e avisos/adesivos perto de interruptores, a desligar a energia quando houver luz natural ou o ambiente estiver vazio; efetuar a troca de lâmpadas incandescentes por fluorescentes, mais econômicas e eficientes, e fazer a manutenção periódica de equipamentos como geladeiras e freezers.

Sugestão de prática de Educação Ambiental:

Lâmpada Solar

Lâmpada Solar

Objetivo: Apresentar formas alternativas ao uso de energia elétrica pela construção de uma lâmpada solar, para reduzir o consumo de energia elétrica e a utilização de lâmpadas comuns, que contém metais pesados, como o chumbo e o mercúrio, tóxicos à saúde humana e ao meio ambiente.

Água - Providenciar o conserto de vazamentos e disseminar, com lembretes/adesivos nas paredes, a prática de fechar torneiras durante a lavagem da louça, a escovação dos dentes e a limpeza do edifício. Uma opção se houver espaço e recursos, construir e instalar o filtro de águas cinzas que é uma boa opção para reutilizar a água das pias e bebedouros, que pode servir para lavar o chão e regar áreas verdes. Podemos também reutilizar a água produzida pelos aparelhos de ar condicionado.

Filtro de águas cinzas

Filtro de águas cinzas
Objetivo: Construir e instalar o filtro de águas cinzas para demonstrar como um simples sistema pode ser facilmente construído e utilizado na escola ou em casa. Modelo aplicável a pias, chuveiros, tanques e bebedouros.

Pia com instalação do filtro de águas cinzas.

Pia com instalação do filtro de águas cinzas.

Resíduos - Caso não haja coleta seletiva pelo serviço público, deve-se buscar parcerias com cooperativas de catadores e implantar o Projeto LEVE – Local de Entrega Voluntária Escolar. Além disso, é possível substituir, sempre que possível, sulfite, cartolina, isopor e EVA por papel craft reciclado e trocar o cimento pela terra prensada na construção de alguns equipamentos, como bancos no jardim.

LEVE - Coletor de resíduos

LEVE – Coletor de resíduos

Objetivo: Organizar a destinação dos resíduos gerados pela escola e comunidade do entorno, por meio da implementação do Programa LEVE – Local de Entrega Voluntária Escolar, no qual a escola atua como ponto de coleta seletiva, espaço de educação ambiental, agente de articulação com catadores locais e mobilização da comunidade.

Outras iniciativas: 

* Composteiras orgânicas e sustentáveis (reutilizando garrafas, tambores de margarina ou tinta) para a destinação do lixo orgânico e a produção de adubo, implantar programas contra o desperdício de comida e promover o uso e o descarte corretos dos produtos de higiene e limpeza.

Composteiras Orgânicas

Composteiras Orgânicas

13406933_1008902189217753_3516757398590937399_n

* Reciclagem de papel: Usamos o papel há muitos anos, ele está presente em diversos momentos de nosso dia-a-dia. Conte quantas vezes você viu papel hoje…muita, não? Facilmente este material é descartado, contribuindo para o aumento dos lixões e aterros. Além disso, milhares de árvores são cortadas todo ano para produção de papel.

Oficina para produção do papel reciclado.

Oficina para produção do papel reciclado.

Objetivo: Produzir folhas de papel a partir da técnica artesanal de reciclagem e assim apresentar aos participantes uma nova possibilidade de transformação do resíduo. Com essa oficina você aprenderá a fazer um novo papel artesanal, assim deixará de desperdiçar esse material e contribuirá para a preservação de árvores e para redução dos resíduos na natureza.

* Reutilizar resíduos sólidos: construir escovódromos, mobiliários para os espaços literários, lixeiras, etc.

31882939_1662158320558800_2718518095671984128_n

Espaço Literário

Espaço Literário

32451890_1673555776085721_9153541559453483008_n

Objetivo: Oferecer diversos e criativos exemplos de reutilização de objetos feitos de madeira e pneu, diminuindo o impacto ambiental de seu descarte e ampliando o olhar dos alunos para ver os resíduos como fontes de matéria-prima  para decoração, organização de ambientes e geração de renda.

* Forno solar: O sol é uma fonte de energia limpa, inesgotável disponível a todos, por isso devemos aproveita-ló ao máximo.

Forno Solar

Forno Solar

Objetivo: Produzir um forno solar que revele como essa fonte de energia pode ser econômica e útil, com exemplos práticos de receitas preparadas nele.

Biodiversidade - Investir no aumento da superfície permeável e de áreas verdes, criar espaços para o desenvolvimento de espécies vegetais – hortas e viveiros de mudas, além de refrescar o ambiente, diminuir a poeira e aumentar a absorção de água da chuva.

32701852_1675630725878226_5168527068064907264_n

* Horta Escolar e Canteiros Econômicos: Hoje em dia, a maioria dos alimentos que consumimos são produzidos com a utilização de fertilizantes químicos, agrotóxicos e sementes geneticamente modificadas. A horta escolar é uma forma de trabalhar com educação ambiental e incorporar produtos saudáveis à alimentação.

13442177_1007647509343221_8338294702651543710_n

32621016_1673555506085748_1356846736504520704_n

Objetivo: Cultivar alimentos orgânicos dentro da escola para apresentar à comunidade escolar a possibilidade de produzir hortaliças e legumes de qualidade, em canteiros econômicos, feitos com técnicas para uso mais racional e eficiente da água.

* Viveiros de mudas e arborização: Um dos principais impactos ambientais causados pelo homem é o desmatamento, que afeta o clima e transforma centros urbanos em grandes ilhas de calor. A produção de mudas e a arborização ajudam a deixar o ambiente mais agradável, fresco e úmido, além de fornecer frutos e auxiliar na manutenção de muitos animais, pássaros e insetos.

32736559_1674585009316131_5853283823009136640_n

Objetivo: Transformar a escola em um ambiente mais verde, fresco com árvores frutíferas, acrescentar alimentos à merenda escolar e contribuir para o reflorestamento na região.

32595090_1673565632751402_2392552209872060416_n

* Maquete da casa sustentável: A construção civil gera muitos impactos ambientais, mas também pode ser um grande exemplo de sustentabilidade, quando utilizamos recursos disponíveis no entorno e planejamento adequado. A concretização do projeto em maquete ajuda a perceber quais soluções e ações são necessárias para realizar s construção ou reforma de um casa ou espaço.

Oficina - Construção da maquete sustentável

Oficina – Construção da maquete sustentável

32960580_1676961205745178_4909121716380237824_n

Objetivo: Apresentar formas de bioconstrução a partir da elaboração de uma maquete de casa sustentável, usando técnicas artesanais e naturais de construção em um experimento que pode ser facilmente aplicado.

Construção sustentável no espaço de educação ambiental na Escola Humberto Ribeiro Lima em Ubajara/CE.

Construção sustentável no espaço de educação ambiental na Escola Humberto Ribeiro Lima em Ubajara/CE.

Bioconstrução – nome que se dá a forma de se construir que busca a harmonia entre a edificação e o ambiente no qual ela será inserida.

Práticas de Educação Ambiental - IBS.

Práticas de Educação Ambiental – IBS.

Práticas de Educação Ambiental: Para apoiar educadores a promover a sustentabilidade socioambiental conectada com  o currículo escolar e com as diretrizes da Nova Base Comum Curricular. São 18 práticas de educação ambiental, 04 cadernos temáticos e 4 sequências didáticas.

Apresentação das práticas de educação ambiental: 18 práticas de educação ambiental, 04 cadernos temáticos e 4 sequências didáticas.

Apresentação das práticas de educação ambiental: 18 práticas de educação ambiental, 04 cadernos temáticos e 4 sequências didáticas.

Definição dos conteúdos curriculares:  Em reuniões com coordenadores e professores, planejar como estas práticas de educação ambiental apoiam o currículo escolar e quais os conteúdos pedagógicos que podem receber o apoio do projeto ao ser trabalhados em sala, como:

1. Conscientizar as crianças sobre a importância do meio ambiente e como o homem está inserido neste meio;

2. Estimular para que perceba a importância do homem na transformação do meio em que vive e o que as interferências negativas tem causado à natureza;

3. Incorporar o respeito e o cuidado para com o meio ambiente.

4. Incorporar a rotina da coleta seletiva – Implantar o Projeto LEVE.

5. Reconhecer atitudes inadequadas para com o seu meio ambiente

6. Reconhecer que os cuidados com o meio ambiente promovem a qualidade de vida para os seres vivos.

7. Estimular a mudança prática de atitudes e a formação de novos hábitos com relação à utilização dos recursos naturais.

8. Conscientizar sobre as diferentes formas de coleta e destino do lixo, na escola, casa e espaços em comum.

9. Conscientizar sobre o uso adequando e renovação de certas matérias primas: Reciclagem

32897999_1676963435744955_5909036093398843392_nJuntos Construímos!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *


cinco − = 4