«

»

Dica Pedagógica – IBS: a importância do ensino da poesia na escola

Essa semana comemoramos duas datas muito importantes:
No dia 14 de março comemoramos o Dia Nacional da poesia e no dia 15 de março o dia da Escola
Poesia e Escola devem e podem caminhar juntas!

O mural de “Boas Vindas” renova-se a cada atividade, tornando-se dinâmico e vivo.

O mural de “Boas Vindas” renova-se a cada atividade, tornando-se dinâmico e vivo.

O 14 de março foi declarado Dia Nacional da Poesia em homenagem a Castro Alves, um dos maiores poetas românticos brasileiros.
Ele é autor de O Navio Negreiro e de muitos outros poemas célebres, muitos dos quais têm como tema a escravidão negra. Castro Alves foi um fervoroso defensor do abolicionismo.
Poesia é uma palavra que vem do grego e significa criação, fabricação. Há muito tempo, porém, essa palavra denomina a arte de escrever em versos.
Criadores de poesia
Falar de poesia, significa falar de poetas, os criadores de poesia. Além de Castro Alves e Gonçalves Dias, existem vários outros poetas da literatura brasileira que você precisa conhecer. Entre outros, podem ser citados: Gregório de Matos, Tomás Antônio Gonzaga, Olavo Bilac, Cora Coralina, Mario de Andrade, Carlos Drummond de Andrade, Cecília Meireles, Manoel de Barros, Vinícius de Moraes, Elias José, Maria Dinorah, Ângela Lago entre tanto outros autores.

castro-alves-11-638Poesia não é somente aquela que se encontra nos livros. Convém lembrar que as letras musicais são poesia para ser cantada e, nesse sentido, a poesia se faz presente na vida de quase todas as pessoas.
Aliás, em música, é comum se falar em um gênero clássico ou erudito e num gênero popular. O mesmo acontece em poesia. No Brasil existe um gênero popular de poesia que foi muito difundido, especialmente no sertão do nordeste: a poesia de cordel. Vale muito a pena conhecê-lo.
A importância do ensino da poesia na escola
Não se vê mais o ensino da poesia na escola. O professor de hoje não está buscando recursos e apoio para que os alunos tenham acesso a este conhecimento fascinante, porque não dizer, a esta bela arte que é a poesia. Esquecem que através deste tipo de atividade em sala de aula pode-se estar alimentando o hábito para a leitura.
O universo da poesia é muito rico e encantador, e o professor é o mediador e o iniciador das crianças neste mundo maravilhoso da leitura. E sabemos que o trabalho com leitura deve ser lúdico, prazeroso e bastante agradável.

11073137_10206347644395798_3538621217698874037_nAlguns educadores questionam: “Ah, é difícil ensinar poesia na escola! Como devo fazer? Como iniciar? Como introduzir e como incentivar o estudo da poesia e criação de textos poéticos com os nossos alunos? Eu não entendo nada de poesia! E para escrever poesia não é necessário inspiração, dom?”
Sim, mas podemos afirmar, como muitos admiradores da poesia e poetas profissionais, que precisamos contar com os conhecimentos poéticos, como também com um pouco de inspiração e outro pouco de transpiração!
O que vimos são questões levantadas por nossos colegas que não se sentem capacitados para este tipo de trabalho com os alunos em sala de aula. Acreditamos que não há regra ou uma fórmula pronta para escrever o que sentimos, e poesia é puro sentimento, é usar a sensibilidade para colocar através dos poemas de forma poética o que acontece em nosso dia a dia, injustiças, a paixão, a perda, a ilusão, a morte, a esperança, o amor, enfim, imaginação e graça.

10458606_10206347640795708_6600795256478103699_nMas é possível, sim, ensinar poesia na escola; só é necessário que o professor se interesse e queira trabalhar o novo com empenho e dedicação em prol do aluno; assumir esse desafio para melhorar sua prática pedagógica. É muito importante e interessante, pois além de incentivar a leitura, leva o mesmo a mergulhar nesse mundo maravilhoso do poema, como forma de se expressar, reivindicar, falar ao mundo do mundo ou do seu próprio mundo.
O professor necessita de novas ferramentas, precisa trabalhar este tema com cuidado para que possa encontrar subsídios de como passar esse conhecimento para os alunos, de como encantá-los sem desanimá-los. Mas tudo depende da criatividade do professor com boa dose de capacitação no tema abordado.

Poderíamos até dar algumas dicas aos interessados, com um pouco de ousadia: por que não começar brincando com as palavras? Interessante, como também usar a sequência didática, pois é uma técnica viável e acessível a todos. É necessário realizar muitas atividades com os alunos; ler muitos livros, utilizar pesquisas, descobrir coisas novas, como também sair das quatro paredes da sala de aula e ir ao campo ou pátio, sentir a natureza, quem sabe isso ajudará a incentivar os alunos ao mundo da poesia, porque – de repente – eles se sentem inspirados, contagiados e motivados a verem com outros olhos aquilo que sempre viram e que nunca perceberam o quanto é belo e encantador!
A partir daí, os alunos poderão dar início as suas produções que deverão ser examinadas e avaliadas com cautela e valorização, podendo o professor utilizar de várias técnicas para este fim, como permitir que sejam lidas em sala, corrigidas pelo professor e pelos próprios alunos, pois ao ensinar aos alunos a revisarem e aperfeiçoarem seus textos, o professor estará auxiliando-os a criarem o hábito de serem leitores de si mesmos, e daí para frente, quem sabe, publicar e expor suas produções em jornais da escola, do bairro ou da cidade, murais, literatura de cordel, na internet – blogs, etc. Assim, eles perceberão a importância do seu trabalho e se sentirão incentivados e valorizados.

Dica -09Como vimos, qualquer pessoa pode produzir poemas com seus encantos poéticos, sem necessariamente se prender a rima, musicalidade, sílabas contadas, etc. e tal, pois sabemos que isto é motivo suficiente para que os professores não queiram introduzir o ensino da poesia na escola.
Escrever com o coração é desafiar a própria razão! Todos nós podemos produzir poemas belíssimos, é claro que não podemos esquecer que há pessoas que já nascem com esse dom, mas podemos trabalhar, exercitar, basta querer, sentir vontade e coragem, afinal, a poesia lida com o que é de humano, é uma comunicação especial, própria de cada um, com seus encantos e desencantos, mas belos e profundos.

30 min -01Então, amigos professores, perceberam como é importante o ensino da poesia na escola?
Por fim, a poesia sempre foi uma forma de atrair diferentes pessoas. Ao ler uma poesia em voz alta na sala de aula, o professor pode desenvolver o sentimento de comunidade e bem-estar entre os alunos. Além de melhorar a convivência entre eles, isso cria um ambiente confortável para que eles sejam eles mesmos e tenham um desempenho melhor.
Por isso, não deixe a poesia de lado. Você é professor, desperte e incentive a leitura desse tipo de obras para os seus alunos. Essa atitude pode deixá-los mais felizes, melhorar a sua escrita e melhorar o convívio de todos.

Lu-0715 de março Dia da Escola
Uma instituição tão importante para o mundo não poderia deixar de ser homenageada. No dia 15 de março, comemoramos o Dia da Escola. Depois do contato familiar, é a escola que exerce os papeis mais importantes na vida das crianças, como a alfabetização e o dever de preparar os pequeninos para a vida em sociedade.
Para o IBS a escola, a educação pode mudar o nosso País! Acreditamos na Escola não apenas como um equipamento de transformação social, mas a Escola é o nosso chão e pisamos nesse através de parcerias tão especiais, pois, “Juntos construímos”!
Então neste dia, vamos reviver o passado, lembrar dos bons momentos que a escola nos proporcionou, das brincadeiras, dos amores, das encrencas com professores e de tudo que foi lindo enquanto vivemos na escola.
Feliz Dia da Escola!
Para comemorar e refletir compartilhamos com todos vocês o poema de Paulo Freire…
Escola é
… o lugar que se faz amigos.
Não se trata só de prédios, salas, quadros,
Programas, horários, conceitos…
Escola é sobretudo, gente
Gente que trabalha, que estuda
Que alegra, se conhece, se estima.
O Diretor é gente,
O coordenador é gente,
O professor é gente,
O aluno é gente,
Cada funcionário é gente.
E a escola será cada vez melhor
Na medida em que cada um se comporte
Como colega, amigo, irmão.
Nada de “ilha cercada de gente por todos os lados”
Nada de conviver com as pessoas e depois,
Descobrir que não tem amizade a ninguém.
Nada de ser como tijolo que forma a parede, indiferente, frio, só.
Importante na escola não é só estudar, não é só trabalhar,

É também criar laços de amizade,
É criar ambiente de camaradagem,
É conviver, é se “amarrar nela”!
Ora é lógico…
Numa escola assim vai ser fácil!
Estudar, trabalhar, crescer,
Fazer amigos, educar-se, ser feliz.

É por aqui que podemos começar a melhorar o mundo.
(Paulo Freire)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *


oito − 3 =