«

»

Comemoração surpresa do “Dia das Crianças”

Não são apenas os valores que estão se perdendo ou sendo substituídos na sociedade contemporânea, é difícil também saber quem é ou quem não é criança.

Diante da incógnita, os professores da EMOA, que atende a estudantes da 4ª a 8ª série, optaram por classificar como “criança” todos os alunos do turno da manhã, por ser este o turno dos mais jovens.

Para estes, foram organizadas brincadeiras, música, dança, palhaços e ‘show’ de mágica, seduzindo e encantando até mesmo aos adultos (professores).

Foi uma festa simples que nos demonstrou que para ser criança, basta soltar a imaginação e fugir dos padrões classificatórios por faixa etária, e brincar, brincar, brincar….

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *


− 4 = cinco